Blog do @_ricardo

Cinema, economia, música e atualidades convergem aqui

A volta Samantha Who

leave a comment »

Ok.  A primeira temporada foi so-so, mas teve a greve a ficamos sem saber qual seria o futuro da série. Quase removi ela das minhas séries pra sobrar mais tempo pra começar acompanhar outra.

Mas o que não faz um Emmy ?

Sim, caro leitor, parece que o Emmy recentemente conquistado por Jean Smart como melhor atriz coadjuvante em comédia, mesmo que meio injustamente (pra mim foi mais pela carreira dela, que sempre teve bons papéis, do que propriamente por esse),….mas sem mais delongas, nos dois primeiros episódos da série ela melhorou, e muito. Eis o porquê:

A série que parecia ter data de validade por contar uma história que pode se tornar muito repetitiva e no momento que Samantha recuperar a memória tuod acaba. Então são necessários bons roteiros, boas memórias da velha/bitch Sam. E isso até que tem funcionado bem. O primeiro episódio desta segunda temporada leva o título do campeão de audiência nos EUA, o reality, ‘So you think I can dance‘ no qual vemos diálogos bem eleaborados para uma comédia, entre Sam e seus pais. Já no segundo, um dos melhores de toda a série, a trama principal (Samantha querendo ser uma humanitária e ir para a África) mostrou-se bem eficaz para prender a atenção do espectador e por mais do que já eperavámos que o lado ‘ruim’ da loira falasse mais alto e ela caísse na real de que não era esse tipo de pessoa madre Tereza de Calcutá o modo de como todos duvidaram dela e a saída covarde de passar um tempo num hotel de luxo para fingir a ida a África bem quando eclode uma guerra civil no continente foi, no mínimo, algo que pode ter o lado clichê, mas o toque de sutiliza que Cristina Applegate dá a sua personagem fez a trama fascinante. E, ao final,  mãe mostrou-se igual a filha, uma típica Newly.

O que ainda me encomoda um pouco é a indefinição do personagem de Todd, o ex/atual namorado de Samantha aliados com a atuação nem um pouco convicente dele que já foi o protagonista de ‘What About Brian’ (de J.J. Abrams). Seria muito bom para a série que ele saísse de vez da vida da protagonista e colocassem um novo boyfriend com mais timing para a comédia.

Resultado: ainda está longe de comédias como 30 Rock e The Office, mas faz um humor genuíno, sem claques e risadas forçadas (leia-se Two and half men e Big Bang Theory) e mesmo que você não fique gargalhando é algo que depois que você vê te deixa uma boa impressão. Que continue assim a temporada !

_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo


Este é um artigo sobre Samantha Who e os episódios

S2E01 – So You Think I can dance
S2E02 – Out of Africa
Avaliação do Underlinericardo
> 'So You Think I can dance': 8.3 <
> 'Out of Africa': 9.2 <

_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo_ricardo

 

Anúncios

Written by _ricardo

31/10/2008 às 00:24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: